quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Resenha: Belo Desastre - Jamie McGuire

Livro: Belo Desastre
Autor: Jamie McGuire
Editora: Versus
Páginas: 392
Nota: 2/5
SinopseAbby Abernathy é uma boa garota. Ela não bebe nem fala palavrão, e tem a quantidade apropriada de cardigãs no guarda-roupa. Abby acredita que seu passado sombrio está bem distante, mas, quando se muda para uma nova cidade com America, sua melhor amiga, para cursar a faculdade, seu recomeço é rapidamente ameaçado pelo bad boy da universidade. 
Travis Maddox, com seu abdômen definido e seus braços tatuados, é exatamente o que Abby precisa e deseja evitar. Ele passa as noites ganhando dinheiro em um clube da luta e os dias seduzindo as garotas da faculdade. Intrigado com a resistência de Abby ao seu charme, Travis a atrai com uma aposta. Se ele perder, terá que ficar sem sexo por um mês. Se ela perder, deverá morar no apartamento dele pelo mesmo período. Qualquer que seja o resultado da aposta, Travis nem imagina que finalmente encontrou uma adversária à altura. E é então que eles se envolvem em uma relação intensa e conturbada, que pode acabar levando-os à loucura. (Skoob)

Abby se muda com sua melhor amiga, America, para tentar deixar o passado para trás. Elas conhecem Travis Maddox e rapidamente se tornam amigos. Ele é lutador, tatuado, sarado, e todas as meninas o desejam.

Logo de cara já há um clima entre Abby e Travis, mas ele representa tudo o que ela queria deixar para trás, as bebidas, as apostas e as consequências que tudo isso atrai. Porém, Abby e Travis ficam próximos rapidamente e a relação deles vão mudando, mesmo Abby lutando para isso não acontecer.

Com o passar da história, Travis mostra que não consegue controlar o temperamento e sai batendo em quem diz o que ele não quer ouvir, mas não só isso, ele controla tudo o que Abby faz e parece que acha ser o dono dela, mandando ela se trocar quando a roupa está curta e querendo que ela fique onde ele possa ver nas lutas. 

Me senti frustrada lendo esse livro, eu só ouvi elogios sobre ele e sobre Travis Maddox, e meninas desejando um Travis para elas, só que quando eu li, vi que ele é controlador e que sai batendo em todo mundo.

O livro é narrado em primeira pessoa, pela Abby, de um jeito que não ficou cansativo, pelo contrário, é uma narrativa bem gostosa de se ler.

Essa minha edição estava com problemas, faltando travessão, algumas partes apagadas e tortas, parece que não estou dando sorte esse ano, todos os livros que li até agora estão com problemas na edição. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário